PODEMOS ABRE PROCESSO DISCIPLINAR CONTRA DEPUTADO ARTHUR DO VAL, O MAMÃE FALEI

Arthur do Val, conhecido como “Mamãe Falei” – Foto: Reprodução/Twitter

Os comentários do deputado estadual Arthur do Val (Podemos), também conhecido como “Mamãe Falei”, sobre as mulheres ucranianas ganharam uma nova repercussão. A presidente do Podemos, deputada federal Renata Abreu (SP) divulgou uma nota na noite desta sexta-feira (04/03) em que classifica como “gravíssimas e inaceitáveis” as declarações de Arthur do Val. A deputada disse ainda que “o Podemos repudia com veemência as declarações e, com base nelas, instaura de imediato um procedimento disciplinar interno para apuração dos fatos.” As informações são de Carlos Eduardo Bafutto, do portal R7.

Áudio vazado na internet
Em um áudio que vazou na internet nesta sexta, pode-se ouvir o parlamentar dizendo que as mulheres ucranianas são “fáceis, porque são pobres”. A mensagem teria sido enviada em viagem à Ucrânia, na qual o deputado afirma ter atuado para ajudar em auxílio da população do país invadido pela Rússia.

“Vou te dizer, são fáceis, porque elas são pobres. E aqui minha carta do Instagram, cheia de inscritos, funciona demais. Não peguei ninguém, mas eu colei em duas ‘minas’, em dois grupos de ‘mina’, e é inacreditável a facilidade”, afirmou o deputado.

Em outros trechos, ele cita as refugiadas. “A fila das refugiadas, irmão. Imagina uma fila de sei lá, de 200 metros ou mais, só deusa. Sem noção, inacreditável, é um bagulho fora de série. Se pegar a fila da melhor balada do Brasil, na melhor época do ano, não chega aos pés da fila de refugiados aqui”, disse o deputado, que prometeu voltar ao local.

Leia abaixo a íntegra da nota divulgada por Renata Abreu

“Gravíssimas e inaceitáveis são as declarações do deputado estadual Arthur do Val, que foram divulgadas na imprensa. Não se resumem ao completo desrespeito à mulher, seja ucraniana ou de qualquer outro País, mas de violações profundas relacionadas a questões humanitárias, em um momento em que esse povo enfrenta os horrores da guerra. O Podemos repudia com veemência as declarações e, com base nelas, instaura de imediato um procedimento disciplinar interno para apuração dos fatos. Até este momento o partido não havia conseguido contato com o deputado, que estava em voo.”
Renata Abreu, Deputada Federal e Presidente do Podemos”

Sérgio Moro
O candidato à presidência Sergio Moro, que chegou a chamar a ida do deputado de “louvável” há dois dias, afirmou que não vai apoiar “pessoas que têm esse tipo de opinião e comportamento”. “Lamento profundamente e repudio veementemente as graves declarações do deputado Arthur do Val divulgadas pela imprensa. O tratamento dispensado às mulheres ucranianas refugiadas e às policiais do país é inaceitável em qualquer contexto”.

A divulgação do áudio provoca reações no mundo político. Arthur do Val é pré-candidato ao governo de São Paulo pelo Podemos, partido em que o ex-juiz Sergio Moro aparece como pré-candidato à Presidência da República. Nas redes sociais, Moro afirmou nesta sexta lamentar e repudiar as declarações e que jamais dividirá palanque com pessoas “com esse tipo de comportamento”.

Do R7.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *