CAI LIMINAR QUE GARANTIA O MANDATO A EDER BORGES; CÂMARA CONVOCA SUPLENTE

Foto: CMC/Arquivo

Depois de ter o mandato cassado e, em apenas dois dias, conseguir voltar ao cargo, o vereador Éder Borges (PP) terá que deixar a cadeira novamente. Desta vez, por força de um agravo de instrumento impetrado pela Câmara Municipal de Curitiba (CMC), para fazer valer a oficialização da cassação, lida em plenário na última segunda-feira (30/05). As informações são de Gisele Ulbrich, do portal Ric Mais.

Desta vez, o agravo, que determina que o vereador deixe o cargo novamente, veio do desembargador Luiz Taro Oyama, da 4.ª Vara de Fazenda Pública de Curitiba. Ele argumenta a aplicabilidade direta da norma constitucional de perda automática do mandato para vereador, ante condenação criminal transitada em julgado.

Borges foi condenado por difamação, numa ação da APP-Sindicato contra ele, em 2016, quando ele ainda não era vereador. Mas, conforme a lei orgânica do município, o parlamentar tem perda automática do cargo se for condenado numa ação transitado em julgado, ou seja, que não cabe mais nenhum recurso. Com isto, ele compulsoriamente perdeu o mandato, na última segunda-feira (30/05).

Mas Borges recorreu da decisão e conseguiu um mandado de segurança, na quarta-feira (01/06), dada pelo juiz substituto da 4ª Vara da Fazenda Pública de Curitiba, Eduardo Lourenço Bana, para ser reintegrado ao cargo. A Câmara recorreu e conseguiu nova liminar, nesta quinta-feira (02/06), que derruba a reintegração ao cargo. Procurado, Borges disse que sua equipe jurídica já está atuando e que entrará com alguma medida.

Suplente é convocado
A Câmara de Curitiba convocou nesta sexta-feira (03/06) o suplente Mestre Pop (PSD) para assumir a cadeira de vereador deixada por Éder Borges. Conforme a convocação, a posse do suplente será na segunda-feira (06/06), às 9h. Mestre Pop ocupou uma vaga na Câmara por dois mandatos consecutivos, entre 2013 e 2020.

Da Ric Mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *