TCE-PR VAI ASSINAR, EM BRASÍLIA, ACORDO PARA A FISCALIZAÇÃO DE OBRAS COM SATÉLITES

Foto: Divulgação/TCE-PR

Nesta quinta-feira (09/12) às 17h30, no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, em Brasília, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) vai assinar com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) acordo visando o monitoramento de grandes obras públicas com a utilização de satélites. A parceria com o MCTI será desenvolvida por meio do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). As informações são do TCE-PR.

O projeto visa treinar pessoal técnico do Tribunal de Contas do Paraná para analisar as imagens que serão fornecidas pelo INPE, ampliando as ações de fiscalização sobre as obras. A viabilidade técnica da iniciativa já foi confirmada pelo ministro Marcos Pontes, que destacou o projeto por ser inédito e com condições de ser estendido aos 33 Tribunais de Contas brasileiros.

O INPE já testou o uso dessa tecnologia em três obras no Paraná: um hospital em Francisco Beltrão; a pavimentação da Estrada do Socavão, no município de Castro; e a reforma e ampliação do Aeroporto de Maringá. Foram utilizados dois satélites (CBRES-4 e CBRES-4A), que registraram em detalhes a evolução das obras, com imagens nítidas e aproximadas.

Com a nova tecnologia haverá um ganho expressivo na quantidade de obras fiscalizadas e um acompanhamento mais preciso do cronograma de execução. A parceira ganha ainda mais relevância neste momento, em que as viagens para a inspeção in loco das obras estão restritas, devido à pandemia da Covid-19. No trabalho, deverão ser usadas as imagens do sistema de satélites atualmente utilizado pelo governo brasileiro.

Do TCE-PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *