SECRETARIA CONFIRMA 891 CASOS DE SARAMPO NO PARANÁ

SECRETARIA CONFIRMA 891 CASOS DE SARAMPO NO PARANÁ

O número de casos confirmados de sarampo no Paraná subiu para 891, conforme o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado nesta quinta-feira (05/03). Foram 16 novas confirmações em duas semanas.

O boletim desta quinta-feira indicou que, ao todo, são 3.183 casos notificados; 1.820 casos em investigação e 472 casos descartados. Nenhuma morte pela doença foi registrada, segundo a Sesa.

Dos 891 casos confirmados no estado, em 32 casos a provável fonte de infecção foi o estado de São Paulo e em seis foi o estado de Santa Catarina.

A Sesa informou ainda que são 25 casos secundários de duas cadeias de transmissão distintas, e 828 casos sem vínculo definido.

Segundo a secretaria, a doença é transmitida por um vírus por meio da fala, tosse, espirro e respiração. O sarampo pode levar a complicações como meningite, encefalite, pneumonia.

Maior incidência em jovens adultos
De acordo com a secretaria, entre todo o grupo de pacientes com sarampo confirmado, a maior incidência continua sendo no grupo de jovens adultos, que estão na faixa de idade entre 20 e 29 anos. Veja:

  • 20 a 29 anos: 468 casos;
  • 10 a 19 anos: 227 casos;
  • 30 a 39 anos: 103 casos;
  • 40 a 49 anos: 38 casos;
  • 6 a 12 meses: 18 casos;
  • 0 a 6 meses: 13 casos;
  • 50 a 59 anos: 12 casos;
  • 1 a 4 anos: 9 casos;
  • 5 a 9 anos: 3 casos.

Surto ativo
Segundo a Sesa, o Ministério da Saúde classifica como situação de “surto ativo” todo município em que tenha confirmação de pelo menos um caso. Confira a quantidade de ocorrências desde agosto do ano passado:

  • Curitiba: 533
  • Almirante Tamandaré: 26
  • Araucária: 13
  • Balsa Nova: 2
  • Campina Grande do Sul: 7
  • Campo do Tenente: 3
  • Campo Largo: 28
  • Campo Magro: 10
  • Colombo: 63
  • Fazenda Rio Grande: 12
  • Itaperuçu: 1
  • Lapa: 2
  • Mandirituba: 1
  • Pinhais: 35
  • Piraquara: 25
  • Quatro Barras: 4
  • Quitandinha: 1
  • Rio Branco do Sul: 8
  • Rio Negro: 1
  • São José dos Pinhais: 30
  • Antonina: 1
  • Matinhos: 1
  • Paranaguá: 7
  • Castro: 2
  • Ponta Grossa: 1
  • Irati: 5
  • Mallet: 4
  • Cruz Machado: 3
  • General Carneiro: 1
  • Paula Freitas: 5
  • São Mateus do Sul: 1
  • União da Vitória: 18
  • Francisco Beltrão: 1
  • Campo Mourão: 1
  • Maringá: 3
  • Sarandi: 4
  • Jandaia do Sul: 1
  • Londrina: 9
  • Rolândia: 1
  • Carlópolis: 6
  • Jacarezinho: 7
  • Marechal Cândido Rondon: 1
  • Toledo: 3

Vacinas
A vacina contra o sarampo é disponibilizada em salas de vacina do estado gratuitamente. Para receber a dose, baste ir até o local até uma unidade de saúde, preferencialmente com a carteira de vacinação.

O esquema vacinal do Ministério da Saúde recomenda que as crianças que têm entre seis meses e 11 meses e 29 dias também devem ser vacinadas.

A população com idade entre um a 29 anos deve receber duas doses da vacina tríplice viral, e de 30 a 59 anos, uma dose.

A Campanha Nacional de Vacinação teve início em 10 de fevereiro e permanece até 13 de março.

Conforme a Sesa, no Paraná, as pessoas entre 20 e 29 anos devem receber uma dose da vacina como reforço mesmo já tendo duas doses da tríplice viral.

Foto: Honório Moreira

Do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *