REPATRIADOS DA CHINA CHEGAM AO PARANÁ APÓS QUARENTENA

REPATRIADOS DA CHINA CHEGAM AO PARANÁ APÓS QUARENTENA

O grupo com cinco repatriados da China que estavam em quarentena, em Anápolis, em Goiás, chegou ao Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, no final da tarde deste domingo (23/02).

Eles foram trazidos por um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), após 14 dias de quarentena. O grupo passou por três baterias de testes para descartar contaminação pelo novo coronavírus.

Segundo o Ministério da Defesa, a última bateria foi realizada na sexta-feira (21/02), e apontou novamente resultado negativo.

Os cinco passageiros que desembarcaram no Paraná neste domingo fazem parte do grupo de 58 brasileiros que estavam confinados na base aérea de Anápolis. Todos foram liberados.

Do total de pessoas na quarentena, 34 foram resgatadas de Wuhan, na China, epicentro do atual surto do novo coronavírus, além de médicos e outros profissionais que tiveram contato com os repatriados.

Liberação dos repatriados
A volta dos repatriados para seus estados de origem, ocorreu quatro dias antes do prazo previsto pelo Ministério da Defesa, que havia anunciado 18 dias de duração para a quarentena.

Ainda em Anápolis, antes da saída dos grupos, foi realizada uma cerimônia com café da manhã festivo, que contou com a presença do ministro da Defesa, Fernando Azevedo, e outras autoridades.

Veja, abaixo, os destinos de retorno dos repatriados:

Distrito Federal: 18 passageiros, sendo 9 militares, 1 profissional do Ministério da Saúde, 1 profissional da EBC e 7 repatriados;
São Paulo: 13 passageiros, sendo 11 repatriados, um militar e uma integrante do Ministério da Saúde;
Rio de Janeiro: 11 militares;
Paraná: 5 repatriados;
Santa Catarina: 4 repatriados;
Minas Gerais: 3 repatriados;
Pará: 1 repatriada;
Maranhão: 1 repatriado (Via DF);
Rio Grande do Norte: 1 repatriado (Via DF);
Um repatriado permanecerá em Anápolis (GO).

Foto: Reprodução

Do G1 Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *