REAÇÃO: MARINGÁ GERA 772 EMPREGOS EM AGOSTO, APONTA CAGED

REAÇÃO: MARINGÁ GERA 772 EMPREGOS EM AGOSTO, APONTA CAGED

Em agosto, Maringá abriu 772 vagas de emprego, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. Foram 5.470 admissões e 4.698 demissões. O mercado de trabalho formal registrou saldo positivo pelo segundo mês consecutivo no município. Em julho, foram gerados 268 postos de trabalho – 4.617 contratações e 4.349 desligamentos. As informações são de Lethícia Conegero, do GMC Online.

De março a junho, o mercado de trabalho formal foi fortemente afetado pela pandemia do novo coronavírus. Em março Maringá perdeu 544 postos de trabalho, em abril 3.271, em maio 1.609 e em junho 600.

Setores
Em Maringá, os setores que mais geraram empregos em agosto foram a indústria, com 239 vagas – 960 admissões e 721 demissões -, e o comércio, que gerou 238 postos – 1.490 contratações e 1.252 desligamentos. O setor da construção civil foi o terceiro que mais gerou empregos no mês, com saldo de 154 vagas – 714 admissões e 560 demissões.

No estado
Em agosto, o Paraná gerou 17.061 vagas de emprego, segundo dados do Caged. Foram 96.672 admissões contra 79.611 desligamentos. O setor da indústria também está no topo de abertura de postos de trabalho no Estado, com saldo de 7.133 vagas – 23.996 contratações e 16.863 desligamentos.

Nacional
No Brasil, houve a abertura de 249.388 vagas de empregos com carteira assinada em agosto. Esse é o melhor resultado do ano e está acima do saldo positivo registrado em agosto do ano passado, que foi de 121.387 postos de trabalho.

Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Do GMC Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *