PREFEITO DE MARINGÁ ACUSA SESA DE BOICOTAR A CIDADE NA DISTRIBUIÇÃO DE VACINAS

Foto: montagem / Divulgação CMM (Ulisses Maia) / Divulgação Sesa (Beto Preto)

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, publicou uma mensagem nas redes sociais em que afirma haver um boicote da Secretaria de Saúde do Paraná (Sesa) em relação a Maringá na distribuição de vacinas contra a covid-19. A publicação foi feita nesse sábado (07/08). As informações são do GMC Online.

Segundo o prefeito, na última remessa de vacinas distribuídas pela 15ª Regional de Saúde, Maringá recebeu 30% do lote, mas tem 50% da população da região. O prefeito diz também que do próximo lote Maringá ficará com 38% das vacinas e que fará de tudo para reverter o “boicote”. Veja a publicação do prefeito de Maringá:

Na sexta-feira (06/08), o secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, enviou um vídeo à imprensa de Maringá em que afirma que a cidade já recebeu doses para 78% da população acima de 18 anos. “O importante é vacinar todos os paranaenses”, disse o secretário. O vídeo do secretário pode ser visto clicando neste link.

Na semana anterior, um levantamento feito pelo GMC Online mostrou que as cidades da região metropolitana estão mais avançadas na vacinação. Um exemplo é Ivatuba que está vacinando pessoas com 25 anos. Clique aqui e veja o levantamento por cidade.

OUTRO LADO

Em nota a Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, respondendo à postagem do prefeito Ulisses Maia, em acusa a Sesa de boicotar Maringá na distribuição de vacinas, afirma que *nenhum município do estado foi ou está sendo prejudicado”. Disse, ainda, que “neste momento de evolução positiva da vacinação, não há espaços para bravatas ou arroubos políticos”. Leia a nota na íntegra:

“Nenhum município foi ou está sendo prejudicado na distribuição das vacinas. Muito pelo contrário. Cada municipio, pela sua característica populacional, e seguindo o Plano Nacional de Imunização, conforme os grupos prioritários, que recebeu dose carimbada pelo Ministério da Saúde, já teve a devida equalização proporcional para seguir na vacinação por idade. Com isso, a Sesa equilibrou a distribuição. Isso faz com que todos os municípios caminhem juntos para que 80% dos paranaenses estejam vacinados em agosto e 100% em setembro com a primeira dose.

O município de Maringá recebeu 78% das doses distribuídas, vacinou 76,38% da população com uma dose ou dose única. A média estadual está em 75% na distribuição e com 73,59% de aplicação.

O Paraná é por inteiro, sem divisões ou narrativas segregadoras, e tem sido tratado nessa perspectiva na campanha de vacinação, com atenção e olhar sensível para todos os municípios de forma indistinta, inclusive com a validação pelo Tribunal de Contas do Estado acerca do método de divisão das doses.

Neste momento de evolução positiva da vacinação, não há espaços para bravatas ou arroubos políticos.”

Do GMC Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *