PARANÁ PODE PERDER R$ 82 MILHÕES POR OMISSÃO DA TECPAR

PARANÁ PODE PERDER R$ 82 MILHÕES POR OMISSÃO DA TECPAR

O Paraná pode perder R$ 82 milhões do Ministério da Saúde. O dinheiro viria de Brasília para a construção de uma fábrica de medicamentos do Tecpar em Maringá. E sem qualquer contrapartida financeira por parte do Estado.

O recurso, que seria transferido pelo Ministério da Saúde, seria investido na construção do Centro Biotecnológico do Tecpar, sobre um terreno doado pela prefeitura de Maringá. A fábrica venderia mendicamentos para o SUS – Sistema Único de Saúde. E o Estado do Paraná receberia royalties dessas vendas.

O convênio entre o Tecpar e o Ministério da Saúde já está assinado, e precisaria ser renovado neste ano. Todavia, o Tecpar não o fez no prazo devido, apesar do então diretor-presidente Fábio Cammarota e do governador Ratinho Junior terem feito o anúncio do investimento em maio, durante a Expoingá (feira agropecuária de Maringá). A consequência da omissão pode ser o recolhimento do recurso pelo governo federal e possível repasse para outro estado.

O Tecpar tem sido criticado por não ter executado nenhuma ação relevante no atual governo. No mês de junho, Ratinho Junior indicou Jorge Callardo para presidir o órgão no lugar de Fábio Cammarota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *