MOURÃO: PAZUELLO ENTENDE QUE ERROU AO PARTICIPAR DE ATO POLÍTICO COM BOLSONARO

MOURÃO: PAZUELLO ENTENDE QUE ERROU AO PARTICIPAR DE ATO POLÍTICO COM BOLSONARO

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse nessa segunda-feira (24/05) que o ex-ministro da Saúde e general da ativa Eduardo Pazuello “entende que cometeu um erro” ao participar de ato em apoio ao presidente Jair Bolsonaro neste domingo (23/05) no Rio. Mourão comentou o caso ao chegar ao Palácio do Planalto, conforme o portal G1. Mourão revelou que Pazuello já teria contatado o comandante e “colocado a cabeça dele no cutelo”, em alusão à possibilidade de punição por ter desrespeitado regulamento do Exército.

Conforme o regramento da força armada, militares não podem participar de manifestações de caráter político. O ex-ministro esteve em mobilização de apoio a Bolsonaro e discursou em carro de som ao lado do presidente. Segundo Mourão, a questão é interna ao Exército, mas afirmou que é provável ainda que Pazuello peça transferência para a reserva ” e aí atenuar o problema”.

Foto: Isac Nóbrega / PR

Da Gazeta do Povo com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *