JUSTIÇA NEGA LIMINAR PARA SUSPENDER DEPUTADO BOCA ABERTA POR SEIS MESES

JUSTIÇA NEGA LIMINAR PARA SUSPENDER DEPUTADO BOCA ABERTA POR SEIS MESES

A Justiça Federal negou pedido de liminar pelo afastamento do deputado federal Boca Aberta (Pros). O parlamentar é alvo de uma Ação Civil Pública do Ministério Público Federal (MPF) que aponta atos de improbidade administrativa relacionados ao uso de veículos com caracterização indevida e à autopromoção. As informações são da Gazeta do Povo.

Na ACP, os promotores pediram a suspensão do mandato de Boca Aberta por pelo menos seis meses. Em seu despacho na noite da última sexta-feira (18/09), no entanto, o juiz federal substituto Vinícius Savio Violi, da 4ª Vara Federal de Londrina, negou o pedido e sustentou que não há elementos que comprovem risco de interferência do parlamentar no andamento das investigações. Apesar da negativa, a ação segue em trâmite.

Foto: Reprodução

Da Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *