FERNANDO HADDAD CONDENADO A 4,5 ANOS DE PRISÃO POR CRIME ELEITORAL

FERNANDO HADDAD CONDENADO A 4,5 ANOS DE PRISÃO POR CRIME ELEITORAL

O ex-prefeito de São Paulo e ex-candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad (foto), foi condenado pela Justiça Eleitoral nesta terça-feira (20/08) a quatro anos e seis meses de prisão. O crime cometido foi de caixa dois nas eleições municipais de 2012, quando Haddad venceu a disputa pela prefeitura de São Paulo. O regime inicial é o semiaberto.

A decisão foi proferida pelo juiz Francisco Shintate, da Justiça eleitoral de São Paulo. Além da pena privativa de liberdade, Haddad foi condenado no pagamento de 18 dias-multa. Cada um no valor de 1 salário-mínimo vigente na época do fato.

O magistrado responsável pelo caso entendeu que Haddad falsificou documentos com fins eleitorais, com base em “258 declarações falsas de gastos com materiais gráficos” durante sua campanha.

Haddad foi absolvido de outras acusações, entre as quais: formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, por falta de provas. 

Tanto Fernando Haddad quanto o Ministério Público podem recorrer da decisão.

Foto: Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *