DUCCI: BRASIL TEM COMPETÊNCIA PARA PLANTAR MACONHA DE FORMA MUITO SEGURA

DUCCI: BRASIL TEM COMPETÊNCIA PARA PLANTAR MACONHA DE FORMA MUITO SEGURA

A possibilidade do cultivo da maconha no país, prevista em um substitutivo de lei apresentado durante a pandemia, poderia ser um potencial mercado para o agronegócio brasileiro. Essa é a opinião do deputado paranaense Luciano Ducci (PSB). Hoje, a Anvisa permite a comercialização do produto por importação. As informações são de Isabelle Barone, da Gazeta do Povo.

O Ministério da Agricultura, por outro lado, não vê interesse no cultivo da Cannabis do ponto de vista do agronegócio, conforme matéria publicada na Gazeta do Povo.

“[O cultivo da Cannabis] poderia ser um mercado novo para o país. O Brasil é muito forte no setor agrícola. Tem potência para disputar mercado com os EUA, China, de forma muito tranquila”, afirma Ducci. Sua proposta, apresentada no último dia 18, prevê o cultivo da planta para fins medicinais e industriais. O texto não fala em uso recreativo da droga.

Questionado pela reportagem se os critérios para o cultivo não deixam brecha para desvios, o deputado afirmou que não vê perigo. “Má-fé existe em todo o lugar, em qualquer situação”, diz. “Se for pensar nisso, então não faremos nada. É melhor parar e largar mão de tudo, abandonar o país”.
Segundo o parlamentar, ainda, a proposta teria sido apresentada durante a pandemia a pedido do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, embora o projeto de lei original tramite na Casa há cinco anos.

À Gazeta do Povo, Ducci também afirma que a conjuntura na qual o Brasil se encontra, de apenas permitir apenas a importação do produto, revela incompetência de produção por parte do país. Não há previsão para que a proposta seja colocada em pauta por Maia.

Foto: Lucio Bernardo Junior / Câmara dos Deputados

Da Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *