Aurélio Munhoz

Aurélio Munhoz

Aurélio Munhoz é graduado em Jornalismo pela UEPG-Universidade Estadual de Ponta Grossa (1991) e em Ciências Sociais pela UFPR- Universidade Federal do Paraná (1995). É especialista em Sociologia Política pela UFPR (2004) e em Comunicação Organizacional pela FAE Business School (2010). É mestrando em Comunicação Política da UFPR. Jornalista profissional, é assessor de Comunicação da AMP (Associação dos Municípios do Paraná), consultor em Relações Governamentais do Complexo Hospitalar Pequeno Príncipe, secretário da ONG Instituto Educacional Eureka, integrante do Grupo de Pesquisa em Comunicação Eleitoral da UFPR e membro efetivo do Conselho Permanente de Direitos Humanos do Paraná. Foi professor colaborador de Jornalismo na UFPR (2000 a 2002) e assessor de Comunicação da UFPR (2014 a 2018). Atuou nas Assessorias de Comunicação do Governo do Paraná, Uvepar (União dos Vereadores do Paraná) e de vários deputados federais. Foi repórter, editor e articulista de Política, de Economia e de Cidades em veículos como: revista Carta Capital, Rede Mercosul de TV e o jornal O Estado do Paraná.

A INDIGNAÇÃO CONTRA A LGBTFOBIA DEVE IR ALÉM DAS REDES SOCIAIS

A INDIGNAÇÃO CONTRA A LGBTFOBIA DEVE IR ALÉM DAS REDES SOCIAIS

Não se falou em outra coisa, ao longo da semana. A campanha da fabricante de cosméticos e produtos de higiene Natura com o ator Thammy Miranda, produzida especialmente para o Dia dos Pais, lacrou nas redes sociais. Não sem motivos. O preconceito do qual Thammy foi vítima causou profundo asco e confirma, novamente, que a internet foi tomada de assalto por uma quadrilha de bandoleiros e LGBTfóbicos do mais baixo nível. Gente assim é responsável pelo fato de a comunidade LGBT+ (lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros, Leia mais

O BOLSONARISMO NATURALIZOU A MORTE

O BOLSONARISMO NATURALIZOU A MORTE

Os sucessivos ataques à democracia e a apologia da violência estão longe de ser os únicos retrocessos promovidos pelo Bolsonarismo desde que o atual ocupante do Palácio do Planalto assumiu as rédeas da Nação, em janeiro de 2019. Outra prática execrável tem sido praticada e incentivada, sistematicamente, por este governo: a naturalização das mortes provocadas pela pandemia de Covid-19. Este fato torna-se cristalino no discurso do Bolsonaro. Primeiro, quando o presidente cunha desastrosas frases jocosas e desrespeitosas (“e daí?”, por exemplo) banalizando a explosão de Leia mais

FELIPE NETO VERSUS ESQUERDA RADICAL

FELIPE NETO VERSUS ESQUERDA RADICAL

Os camaradas e companheiros radicais da esquerda brasileira merecem respeito por sua luta e militância, mas deveriam refletir sobre um dos seus mais recentes – e graves – pecados: a recusa em respeitar e dialogar com atores sociais importantes, mas sem histórico de lutas no movimento social ou nas instâncias partidárias. A afirmação toma como base o festival de horrores protagonizado por este segmento da esquerda, nas redes sociais, por conta da corajosa posição defendida pelo influencer Felipe Neto contra Jair Bolsonaro e Donald Trump, Leia mais

A INCRÍVEL FÁBRICA DE SONHOS DE BOLSONARO

A INCRÍVEL FÁBRICA DE SONHOS DE BOLSONARO

A oposição ao Governo Federal reagiu com espanto à notícia de que, mesmo depois de o País registrar 52 mil mortos pela Covid-19 e da sucessão de aberrações cometidas pelo ocupante do Palácio do Planalto desde sua posse, 32% dos brasileiros ainda acham que Bolsonaro faz um ótimo governo. O número consta de pesquisa divulgada pelo instituto Datafolha, no último dia 26 de junho, realizada logo após a prisão de Fabrício Queiroz – ex-braço direito do filho mais velho do presidente, o senador Flávio Bolsonaro. Leia mais

UMA PANDEMIA DE DESTRUIÇÃO E DE MORTE AMEAÇA A NATUREZA

UMA PANDEMIA DE DESTRUIÇÃO E DE MORTE AMEAÇA A NATUREZA

A sucessão de tragédias humanas gerada pela pandemia da Covid-19 rebaixou a segundo plano o cenário de enorme destruição da natureza –  especialmente da Floresta Amazônica – causado pela criminosa atuação do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Um fato gravíssimo ocorrido ao longo da semana, porém, tente a recolocar as questões ambientais com destaque no noticiário. Trata-se da decisão de 38 empresários pesos-pesados brasileiros de cobrar duramente do ministro uma política de proteção da natureza mais efetiva. Não é pouca coisa. Falamos de executivos Leia mais

ELEIÇÕES EM NOVEMBRO: FESTA DA DEMOCRACIA OU TRAGÉDIA ANUNCIADA?

ELEIÇÕES EM NOVEMBRO: FESTA DA DEMOCRACIA OU TRAGÉDIA ANUNCIADA?

É impossível não sentir preocupação, para dizer o mínimo, diante da recente decisão do Congresso Nacional sobre o calendário eleitoral deste ano. A Câmara dos Deputados aprovou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/20, que adia o primeiro turno das eleições para 15 de novembro, devido à pandemia da Covid-19. Nas cidades onde houver segundo turno, a data da eleição será em 29 de novembro. Na prática, a PEC adia em 41 dias a realização do primeiro turno e em 34 dias, o segundo. Leia mais

UMA PANDEMIA DE INCOMPATIBILIDADE NA OPOSIÇÃO

UMA PANDEMIA DE INCOMPATIBILIDADE NA OPOSIÇÃO

Os partidos de oposição ao governo de Jair Messias Bolsonaro estão vivendo seu momento mais delicado – e contraditório – desde o início do mandato do presidente da República, em janeiro do ano passado. Mesmo com os percentuais cada vez maiores de rejeição ao governo (43%, segundo o Datafolha, em pesquisa divulgada em 28 de maio), a oposição acumula a alta rejeição confirmada pelas urnas com o acirramento de dois graves problemas – ambos convergindo para o risco de comprometimento dos seus planos para a Leia mais

A ATOMIZAÇÃO DA ESQUERDA PAVIMENTA O CAMINHO DA CENTRO-DIREITA PARA 2022

A ATOMIZAÇÃO DA ESQUERDA PAVIMENTA O CAMINHO DA CENTRO-DIREITA PARA 2022

Isolados por força da pandemia da Covid-19, setores da oposição a Jair Bolsonaro estão apostando fortemente nas redes sociais e na grande mídia para exercer sua militância política e fazer frente aos desmandos do Governo Federal. Sensato e necessário, do ponto de vista sanitário, diante da urgência do distanciamento social e do aumento em progressão geométrica do número de mortos pela doença. Sua lógica é simples: embora reconheça a importância de ocupar as ruas, tomadas em parte por grupelhos de bolsonaristas radicais, a oposição se Leia mais

O ESQUELETO DO IMPEACHMENT COMEÇA A SAIR DO ARMÁRIO

O ESQUELETO DO IMPEACHMENT COMEÇA A SAIR DO ARMÁRIO

A sucessão de eventos que pode levar ao impeachment do presidente da República tem similaridade com o teatro grego praticado quinhentos anos antes de Cristo, em pelo menos duas características: o número de atos e a identidade de gênero dos seus personagens. Eram cinco atos. E todas as peças eram executadas somente por atores homens, mesmo que houvesse papéis femininos. Bolsonaro conseguiu a proeza de, em menos de 1,5 ano, executar pelo menos quatro atos que podem pavimentar seu afastamento definitivo do cargo. O primeiro Leia mais

O DESAFIO DA INCLUSÃO DIGITAL, EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS

O DESAFIO DA INCLUSÃO DIGITAL, EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS

A gravíssima pandemia da Covid-19, a maior do século, trouxe um inesperado e gigantesco desafio aos governos e empresários do planeta: a inclusão digital de todos os cidadãos. Se antes da pandemia o acesso à internet e às plataformas digitais destinadas a conectar pessoas era artigo de luxo para muitos, agora passou a ser item de primeira necessidade.  Não se trata de mero exercício de retórica. A exclusão de centenas de milhões de cidadãos da rede mundial de computadores impediu-as de receberem informações relevantes em Leia mais