APÓS LANÇAR PRÉ-CANDIDATO AO GOVERNO, PSDB DO PARANÁ SOFRE ‘DEBANDADA’

Paulo Litro: deputado deve buscar legenda que apoie a reeleição do governador Ratinho Jr – Foto: Reprodução/psdb.org.br

O deputado estadual Paulo Litro anunciou neste segunda-feira (24/01) sua renúncia à presidência do PSDB do Paraná. A decisão foi anunciada poucos dias após o ex-prefeito de Guarapuava, César Silvestri Filho, trocar o Podemos pelo PSDB como pré-candidato ao governo do Estado. Integrante da base do governo Ratinho Júnior (PSD) na Assembleia Legislativa, Litro deve migrar para uma sigla que apoie a reeleição do atual mandatário do Palácio Iguaçu. As informações são do Bem Paraná.

“Agora há pouco oficializei minha renúncia da presidência do diretório estadual do PSDB, função que assumi em maio de 2019. Durante esse período, trabalhei em conjunto com lideranças e militantes do partido com o objetivo de promover o fortalecimento dos diretórios municipais; implantar programas de capacitação e realizar reuniões por todo o estado”, escreveu o deputado no twitter.

Na semana passada, o ex-prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, já havia deixado o PSDB após a filiação de Silvestri Filho. “Anuncio na data de hoje , minha renúncia ao cargo de Secretario Geral do PSDB do estado do Paraná e a minha desfiliacăo, por entender que o atual direcionamento e recentes decisões levam a um posicionamento que não entendo ser adequado para o meu trabalho político”, divulgou Rangel no último dia 19. O ex-prefeito é irmão do secretário de Estado da Infraestrutura do governo Ratinho Jr, Sandro Alex.

Na fila – Outras lideranças políticas alinhadas a Ratinho Jr devem deixar o PSDB, como o presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano. A debandada ocorre porque essa ala fiel ao governador pretende apoiar a reeleição.

Silvestri Filho deixou a presidência do Podemos do Paraná no último dia 19 e se filiou ao PSDB com o apoio do presidenciável do partido, o governador João Doria, e do ex-governador do Paraná, Beto Richa. Ele saiu do Podemos porque o partido que lançou a pré-candidatura à Presidência da República do ex-juiz Sergio Moro. Silvestri Filho era cotado como pré-candidato do partido ao governo, mas perdeu espaço diante da articulação do senador Alvaro Dias (Pode) para que a legenda também apoie a reeleição de Ratinho Jr, em troca do apoio do governador à sua reeleição para o Senado. Agora no PSDB, o ex-prefeito deve garantir palanque para Doria no Paraná.

Do Bem Paran´á

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *